Ser mãe.

Ser mãe. Comprei este anel porque o achei tão simples e bonito mas principalmente pelo significado. Nunca fui daquelas crianças que brincavam muito com bebés e que sonhava em ser mãe um dia, mas caramba, de repente sinto que sou mesmo boa em alguma coisa!⁣ ⁣ Não foi logo, cometi muitos erros no início com a Joana que levou com uma mãe tenrinha, muito jovem e num tempo em que ainda não havia Grupos de mães no Facebook para nos ajudar a perceber porque é que um bebé deixa simplesmente de fazer cocó de um dia para o outro ou porque é que nunca quer ir para banheira e me deixa desfigurada e depois por

que é que não quer sair da banheira.⁣ ⁣ Eu não sabia nada, como a maior parte das mães de primeira viagem, mas lá ia experimentando, errando e corrigindo. Sem dar conta o meu principal mote era divertir-me com as minhas filhas (como me apercebi com mais consciência quando li o último post da Mia), ser palhacinha porque sou palhacinha por natureza, criar memórias de uma casa com uma mãe alegre e maluca (apesar de ter os meus dias-não como toda a gente), brincar muito porque sou uma criança dentro de um corpo de adulta e o que mais gosto é de rir e sou de riso fácil e quando dei conta percebi que finalmente era boa nalguma coisa naturalmente.⁣ ⁣ Porque tenho a sensação que tudo o que faço exige-me sempre muito esforço. Sinto que sou mediana na maior parte das coisas que faço, e para chegar ao médio acho que tenho que me esforçar mais que a maior parte das pessoas. E isto não é mesmo falsa modéstia, quem me conhece de perto sabe as minhas inseguranças constantes em relação a quase tudo. Mas a única coisa que posso gritar de peito aberto e que sinto total confiança na minha sabedoria e performance é em ser mãe🥰⁣ ⁣ Tornou-se tão natural para mim que às vezes até estranho quando ouço outras mães falarem na dificuldade que têm em lidar com a adolescência dos filhos e olho para as minhas e sei que me dão luta em algumas coisas mas são umas filhas maravilhosas e que muito mas muito mérito tivemos nisso e está tudo tão tranquilo que até pode parecer estranho e dou comigo também à procura dos meus defeitos e encontro, encontro uma data deles, por exemplo a minha falta de habilidade para lidar com os namoricos da Rita e as perguntas erradas que lhe faço e as coisas disparatadas que lhe digo em relação ao assunto, sem filtro e meio atabalhoado que a faz tapar a cara e os ouvidos e fugir enquanto diz Ó mããeee, menos!😱 Ou a minha falta de calma para lidar com o campo de batalha em que se torna uma discussão de ideias com a Joana se estivermos em polos opostos. E a Joana pode ser um anjo ou um diabo, meio termo não é com ela. O que me faz lembrar alguém😬⁣ ⁣ Perfeição não é o meu objectivo. Diversão sim, ser um farol para elas, interessar-me pelos vídeos de slime e vê-los com a Rita sem sentir aborrecimento algum, discutir bola com a Juca e perguntar-lhe com genuíno interesse o que falhou para o Benfica sair da champions, olhar para elas como pessoas iguais a mim e nunca como seres inferiores ou mais fracos e pequeninos que podem levar palmadas, construir rituais de vida com elas que levarão para a sua casa como deixar sempre um pai Natal de chocolate muito pequenino num dia aleatório de Dezembro escondido nos lençóis ou recadinhos tolos nas lancheiras.⁣ ⁣ E sei que nem sempre sou um bom exemplo pois abro-me muito com elas e conto-lhes que tenho medo de abrir a loja, em vez de mostrar uma mulher decidida e segura. Mas acho que elas vêem a coragem nas entrelinhas. Apesar de nem sempre haver coragem. Às vezes só me vêem com medo. Mas cultivo tanto a proximidade que me é impossível fingir mas ouvirem-me durante meses a dizer que não vou ser capaz de fazer o triatlo para o qual me inscrevi sem grande juízo pode não ser a melhor das referências, mas talvez lhes ensine que o medo e as dúvidas são naturais, apesar de eu ter levado isso um bocadinho longe de mais.😅⁣ ⁣ Se me perguntarem quais são os meus defeitos eu tenho uma lista na ponta da língua, se me perguntarem as minhas virtudes eu encho o peito e com um bocadinho de vergonha pois sei que pode parecer presunçoso digo que sou óptima a escolher melões, a fazer malas e a ser mãe!


Recentemente...
Arquivo
Procurar por "tags"
No tags yet.
Sigam o Umbigo
  • Facebook - Black Circle
  • Instagram - Black Circle
  • Facebook - White Circle
  • Instagram - White Circle

© 2017 by Inês Félix

This site was designed with the
.com
website builder. Create your website today.
Start Now