Avô.


Uma das imagens típicas do meu Avô João era ter um frasquinho de álcool ao pé de si e desinfectar-se sempre que privava com pessoas. Ríamos e brincávamos com aquela imagem do frasquinho omnipresente. Não teve uma saúde de ferro mas a verdade é que não me lembro de o ver constipado. O corona não o apanharia tal era o escudo protector natural que já teria😄.


Faz hoje 5 anos que nos deixou. Não sei como já cá não está mesmo, porque ainda se sente a sua presença, eu pelo menos não há dia em que não me lembre da sua voz e da forma engraçada como se sentava-deitado no seu sofá de uma pessoa. E ainda há tantas expressões e reacções que permanecem como uma herança tatuada em nós através da sua presença forte e patriarca que tenho a certeza que pairarão expressões do avô João Félix 😊 por muitas gerações que virão. Eu faço questão de o manter vivo, às vezes quando levo a Rita à ginástica e ela vai ao meu lado no carro aperto-lhe o joelhinho tal e qual como o meu avô me apertava. Ela grita de susto e ri-se mas sabe que aquele aperto mais ninguém fazia. “Lá estás tu mãe a imitar o Avô😅” eu dou-lhe um beijinho e digo “pois estou”❤️


Recentemente...
Arquivo